Silva Jardim estuda abrir concorrência para criar uma linha de transportes coletivos na Cidade

0 0
transporteA Administração Municipal de Silva Jardim trabalha para viabilizar a implantação de uma linha de transportes coletivos no Município, através de concessão a uma empresa particular, que atenda ao mesmo tempo a população e os alunos da rede municipal de ensino. Segundo o prefeito Anderson Alexandre, já há inclusive parecer favorável do Ministério Público para isto e a criação livraria o município da despesa com os atuais ônibus escolares, que é da ordem de cerca de R$ 1 milhão por ano. Ele também adiantou que tentou contato com a Viação Rio Ita a fim de equacionar o problema do preço da passagem intermunicipal entre Silva Jardim e Rio Bonito, o qual tem sido motivo de protestos dos munícipes ultimamente. Mas os representantes da empresa não compareceram a duas reuniões solicitadas por ele (uma em janeiro último e outra na última segunda-feira, 01/04) para conversarem sobre o assunto.

— Pensamos em abrir a concessão para uma linha municipal porque a autarquia de serviço de transporte criada no governo anterior está irregular, sem funcionar desde outubro passado, e precisamos dar um jeito de possibilitar a mobilidade dos silvajardinenses pelo menos dentro do Município – admitiu o prefeito, lembrando que uma linha de ônibus que circule dentro do município trará benefícios inclusive para o comércio e os serviços em geral, pois facilitará o deslocamento das pessoas dos pontos mais distantes principalmente ao Centro da cidade.

A respeito das reuniões solicitadas com a Rio Ita, o prefeito lamentou o não comparecimento dos representantes. E lembrou que, embora o problema não seja de responsabilidade da Administração Municipal (a Rio Ita é uma empresa de concessão estadual, através da Secretaria estadual de Transportes e do Departamento de Transportes Rodoviários – Detro), a Municipalidade tem interesse em ajudar a resolver a questão. “Íamos conversar com eles sobre a possibilidade de alguma redução no preço da passagem ou na criação de seções específicas de acordo com os trajetos e itinerários no trecho entre Silva Jardim e Rio Bonito, mas os mesmos não compareceram nem nos deram nenhuma justificativa”, explicou o prefeito.

Fonte: Prefeitura de Silva Jardim

Leave A Reply

Your email address will not be published.