Itaboraí: Casa de Cultura recebe doações de materiais históricos

0 0
Foto: Coordenadoria de Comunicação Social
Foto: Coordenadoria de Comunicação Social

A Fundação Cultura de Itaboraí recebeu doação do acervo histórico e pessoal do ex-vereador de Itaboraí, Antônio Nascimento Pinho, falecido em 2008, aos 88 anos. Os materiais foram entregues por Ednéa Costa Pinho, 62 anos, filha do parlamentar, e fará parte do patrimônio da Casa de Cultura Heloisa Alberto Torres.

“É uma honra poder entregar parte das memórias originais ao centro cultural do município, registrando a história da cidade no século XX. Outros familiares de pessoas tradicionais de Itaboraí deveriam fazer o mesmo”, afirmou.

No termo de doação, assinados pela filha de Antônio Pinho e pelo presidente da FCI, foram acordados os seguintes materiais: uma mesa quadrada de madeira rústica com mais de 50 anos, uma cadeira de madeira maciça, com aproximadamente 70 anos, uma cadeira de balanço de madeira entalhada e materiais históricos, contendo textos, recortes de jornais e um CD com a história do ex-vereador.

Segundo Ednéa, em 2010, ela tentou fazer a doação para o município, mas não obteve retorno da gestão anterior. Porém no carnaval deste ano, após saber da exposição “Itaboraí de tantos carnavais”, uma mostra com imagens fotográficas do carnaval na cidade nos anos 50, 70, 80 e 90, na Casa de Cultura Heloísa Alberto Torres, ela conversou com a atual gestão da Cultura, que ficou encantada com a história de Antônio Pinho, seu pai e decidiu realizar a doação.

Para o presidente da Fundação Cultural de Itaboraí (FCI), Cláudio Rogério Dutra, esta é uma forma de resgatar a história do município. “Nosso objetivo é resgatarmos a cultura do povo itaboraiense, levando a memória da cidade para a população. Espero que mais famílias se sensibilizem e acreditem em nosso governo, doando materiais de memórias, como por exemplo, período da cerâmica, da laranja, momentos políticos e outros”.

Ainda neste encontro, Eurydice Pinho Pontes, 80 anos, irmã do político, doou seu livro “Itaboraí aos olhos de Eurydice”, que conta a história das emoções vividas por ela, além de descrever os acontecimentos na cidade.

História de Antônio Pinho

Nascido em 20 de fevereiro de 1919, no município de Itaboraí, Antônio Nascimento Pinho, foi um dos fundadores do Esporte Clube Comercial. Participou da vinda da luz elétrica para a cidade e trouxe as primeiras bicicletas, através do Clube Edson, fundado por ele em 1950, promovendo corridas ciclísticas entre o Centro, Areal, Porto das Caixas, Visconde, Itambi, Manilha e até São Gonçalo.
Ainda na década de 60 foi eleito vereador, em um período em que não havia remuneração, apenas pelo prazer de servir a comunidade. Foi responsável também pela vinda do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal para o município, dentre outros feitos.

 

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social

Leave A Reply

Your email address will not be published.