Niterói: Famílias de Itaoca vão receber casas.

0 0
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um amplo programa de Habitação, com toda infraestrutura, e visando dar dignidade as famílias de Itaoca, em São Gonçalo, foi apresentado na manhã desta quinta-feira (04/07) ao prefeito Neilton Mulim pelos secretários de Habitação, Alberto Diaz André, de Obras, Antônio José Sobrinho e de Desenvolvimento Social, Nivaldo Mulim. O investimento do programa é na ordem de R$ 150 milhões.

As unidades habitacionais serão construídas em uma área de 148 mil metros quadrados no bairro Fazenda dos Mineiros, que é propriedade do município. De acordo com o secretário de Habitação, serão erguidas aproximadamente duas mil unidades na região com toda a infraestrutura de um bairro.

“As famílias que serão realocadas no empreendimento vivem hoje em situação subhumana. Nosso objetivo, desde o inicio do governo, é garantir a cidadania que todos têm direito. Estamos trabalhando junto a esta comunidade desde fevereiro, levando serviços essenciais, como saúde e programas sociais. Agora estamos implementando um programa de moradia digna”, explicou.

Junto às unidades habitacionais, a prefeitura irá construir uma unidade de saúde, uma escola, uma creche, centro comunitário e uma ampla área de lazer. As famílias também contarão com rede de água e de esgoto. “Criamos um projeto com toda infraestrutura para oferecer a estas famílias um local digno para viver, criar seus filhos e netos”, informou o secretário de Infraestrutura, Antônio José Sobrinho.

RELEMBRANDO

As famílias de Itaóca estão sendo atendidas na ação promovida pelas secretarias de Desenvolvimento Social e Saúde, desde fevereiro, no Campo do Zezinho. No local, as famílias estão fazendo fichas de identificação social, demandas de vulnerabilidade social e atendimento médico.

Para o secretário de Desenvolvimento Social, Nivaldo Mulim, é importante que as famílias compareçam a estas ações. “Nesta ação intersetorial compareceram famílias de Itaóca e bairros próximos. Desta forma poderemos oferecer um serviço de qualidade e descobrirmos as necessidades reais de todas”, disse.

 

Dois contêineres fizeram o atendimento. Um no serviço social e outro no atendimento médico, com a participação de aproximadamente 40 pessoas nos dois serviços. Tão logo todos os dados sejam tabulados, a SMDS divulgará as demandas sociais dos beneficiários do Programa Bolsa Família, que na cidade atende cerca de 50 mil famílias.

Fonte: Secretaria Municipal de Governo e Comunicação Social

Leave A Reply

Your email address will not be published.