São Gonçalo: Prefeitura realiza ação de ordenamento urbano no Alcântara

0 0
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Visando promover a ordem pública no centro de Alcântara, a Prefeitura de São Gonçalo realizou na manhã desta terça-feira (16/07), ação conjunta para fiscalizar o comércio irregular na região, com o apoio de diversas Secretarias Municipais. O objetivo da iniciativa é organizar as calçadas e as ruas do bairro, garantindo assim o direito de ir e vir da população.  Os comerciantes têm um prazo de sete dias para se adequarem as leis vigentes e os casos mais graves foram autuados durante a ação.

O comércio das principais ruas do bairro foi visitado e a ação contou com apoio de agentes das secretarias de Segurança Pública e Transportes, das subsecretarias de Fiscalização de Posturas e Controle Urbano e da Coordenadoria de Vigilância Sanitária, que fechou um mercado por comercializar produtos com data de validade vencida. A vigilância Sanitária lacrou o estabelecimento e inutilizou 1.600 quilos de carne e frango, além de pizzas mofadas, entre outros.

De acordo com o secretário de Segurança Pública, Antonio Oswaldo da Silva, a operação foi bem sucedida, atendendo as expectativas. Ele anunciou que as atividades irão continuar nas próximas semanas.

“Fizemos a notificação de alguns comércios que deixavam suas mercadorias nas calçadas e pedimos a retirada desses produtos, para garantir a circulação dos pedestres. A ideia é, a partir deste momento, fazer o acompanhamento semanalmente para que a ordem seja mantida em Alcântara”, revelou o secretário.

Apoio nas ruas

 Segundo o último Censo, realizado em 2010, Alcântara possui cerca de 20 mil habitantes. Com a limpeza das calçadas e ordenamento urbano realizado pela Prefeitura, parte da população, que passava pelo local, comemorou a ação.

“Eu passo pelo centro de Alcântara todo dia para ir trabalhar. Os produtos tomam conta da calçada, atrapalhando nossa locomoção. O pior são os açougues e peixarias, que usam indevidamente o espaço e causam mau cheiro no local. Espero que agora, com a ação da Prefeitura, eles entrem no eixo”, relatou o metalúrgico, Jorge Nascimento, 35 anos.

Fonte: Secretaria Municipal de Governo e Comunicação Social

Leave A Reply

Your email address will not be published.