COMPERJ: Colisão que envolveu dois coletivos aconteceu pela manhã, na cidade de Itaboraí e deixou, além de uma pessoa morta, pelo menos 22 feridos em estado grave

0 0

Conleste Notícias nas Redes Sociais::

::Clique Aqui e Curta o CN no facebook!

::Clique Aqui e Siga o CN no Twitter!

Uma colisão envolvendo dois ônibus privados que transportavam funcionários do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), em Itaboraí, deixou um pessoa morta e pelo menos 22 feridos, na manhã desta segunda-feira.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção Imobiliária e Montagem Industrial de São Gonçalo e região (Sinticom), que representa a categoria, 22 trabalhadores do complexo eram transportados no ônibus do consórcio Queiróz Galvão, quando houve a colisão contra o coletivo da empresa Lacosta Turismo, que estava vazio, contendo apenas o motorista. O acidente aconteceu em uma via secundária, transversal à RJ 116, próximo ao Alto do Jacu, em Itaboraí. O motorista que conduzia o ônibus vazio, identificado como Carlos André Ramos Barbosa, morreu no local.

Já no outro coletivo, ainda de acordo com o sindicato, 22 pessoas ficaram feridas e precisaram ser encaminhadas, pelo Corpo de Bombeiros, para o Hospital Municipal Desembargador Leal Junior, na cidade. Apenas o motorista, ainda não identificado, fraturou a bacia e um outro passageiro sofreu uma lesão no pé e foram encaminhados para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, em São Gonçalo.

Segundo testemunhas, os veículos estavam em sentidos opostos quando houve a colisão, por volta de 06h30. As circunstâncias do acidente serão investigadas pela 71 DP (Itaboraí).

O motorista que morreu no local deixa a esposa gravida de sete meses.

Por: Redação CN

Leave A Reply

Your email address will not be published.